Que a comprovação de endereço do usuário na hora de fechar uma conta online é imprescindível, isso você já sabe - é o que dita a resolução 2025 do Banco Central do Brasil liberada em 1993. A consequência sempre foi bem ruim para as fintechs: a taxa de abandono de cadastro nesta etapa do onboarding é muito alta e o motivo não surpreende.

Com a tecnologia sempre à disposição, ninguém - ou quase ninguém - possui em mãos uma fatura ou conta que comprove o local em que mora e que esteja atualizada. Isso porque nem sempre é possível prever quando e onde parar o que estivermos fazendo para abrir uma conta online (mesmo que isso já esteja em mente). É o resultado de uma sociedade cada dia mais agitada, com rotinas sempre imprevisíveis e dias cada vez mais corridos. 

Apesar dos avanços consideráveis, a falta de inclusão digital da nossa sociedade ainda esbarra em situações como a citada acima, que torna-se mais agravante para fintechs e wallets, considerando a possibilidade de fraude de informações, uma vez que a falsificação de comprovantes em papel é bem comum até então. 

Resolução 4.753 do Banco Central: as novas tecnologias estão liberadas para a comprovação de endereço. 

A partir de 2020, porém, será possível usar a tecnologia a favor na hora de validar o endereço de quem está abrindo uma conta online. Essa portaria - resolução 4.753 de 2019 - libera o uso de ferramentas eletrônicas, como a geolocalização e a biometria, para a validação de dados de clientes, eliminando o atrito existente na etapa de comprovação e, consequentemente, reduzindo os custos por aquisição (CAC) por meio do processo de otimização em back office

Focando na validação de endereço, a nova resolução surge para alavancar os fechamentos de contratos entre empresas e clientes e reduzir a taxa de abandono no onboarding na etapa de comprovação via documentos. Porém, é importante que as empresas assegurem que a tecnologia de geolocalização usada não fira a privacidade do usuário final e seja uma alternativa rápida e segura. 

Privacidade do usuário 

Um dos pontos mais relevantes das leis de segurança de dados é a garantia de que as tecnologias, como a de geolocalização ou de biometria, não violem a privacidade e a segurança do usuário final. Ou seja, dados sensíveis nunca devem ser revelados. No que se refere à validação de endereços por geolocalização, é importante que as empresas optem por um dispositivo que assegure a privacidade dos seus futuros clientes.

Para garantir que a sua empresa esteja atuando sempre dentro das leis e normas de segurança da informação, como a LGPD, é importante contar com parceiros de referência no mercado e que também tenham a privacidade dos seus clientes como um dos pilares fundamentais de trabalho.

Segurança para a empresa

Com o comprovante em papel, algumas empresas têm a falsa sensação de que é possível garantir a veracidade das informações fornecidas pelos usuários e, por isso, ainda apresentam certo receio em implementar a tecnologia de geolocalização para a validação de endereço neste etapa do cadastro. Porém, a fraude de documentos em papel é ainda bem comum e muito mais fácil de ser realizada, além de, muitas das vezes, ser descoberta somente após a conta digital já ter sido aberta, prejudicando a empresa contratada. 

Por isso, uma tecnologia que apresente menos barreiras e seja mais segura é a solução ideal para manter a qualidade no processo de abertura de contas digitais, além de ser transparente para o usuário e funcional para a fintech, funcionando de maneira automática.  

Velocidade na verificação

O terceiro ponto a ser analisado ao buscar uma solução tecnológica para a verificação de endereço é a velocidade. Isso porque um dos principais fatores para o abandono de cadastro é a lentidão na etapa, tornando a experiência do usuário muito ruim. Além disso, é importante que a sua empresa receba a verificação de modo rápido para garantir fluidez no processo e boa relação com os futuros clientes e melhores resultados. 

Address Validation: a solução tecnológica com a líder em inteligência de localização. 

Algumas empresas de tecnologia estão à frente deste processo e já possuem notoriedade com suas soluções. É o caso da In Loco, que desenvolveu o Address Validation - uma solução exclusiva de validação de endereço através da tecnologia de geolocalização aplicada nos aplicativos das fintechs, por exemplo, para abertura de contas digitais. Os diferenciais da solução não deixam brechas: melhora o seu custo de aquisição em até 40%, diminui a taxa de abandono de cadastros em até 30%, possui menos barreiras e reduz a etapa de comprovação em até 80%. 

Além disso, muitas das vezes a verificação feita pelo Address Validation acaba sendo instantânea, isso porque há demais tecnologias In Loco que podem estar presentes em outros aplicativos, sendo referência em inteligência de tecnologia de localização e possuindo dados suficientes para que o processo ocorra de modo fluido para a sua empresa.

Caio Donald

Por Caio Donald

Inbound Consultant | CRM Manager | HubSpot Specialist I'm a dog lover and an explorer, if you can't find me I'm probably traveling somewhere unconventional.